Uma carta de Natal muito especial

 

Antigamente custava-me bastante quando me levantava da cama e não tinha um pai e uma mãe prontos para tomarmos todos juntos o pequeno-almoço, não tinha uma família que me levaria a passear, jantar fora, às compras…sabia que não teria uma família a quem desejar “Feliz Natal”.

Mas, mais triste que tudo, não tinha ninguém a quem contar os meus problemas, as minhas tristezas e as minhas paixões. Tudo mudou quando vim para a Aldeia SOS da Guarda. Vir viver para aqui mudou de forma positiva a minha vida! 

Aqui aprendi o verdadeiro significado das palavras felicidade e FAMÍLIA!  
Aqui pude crescer enquanto pessoa e tornar-me aquilo que eu sempre sonhei ser. 

Esta Aldeia SOS a que eu chamo de casa deu-me tudo o que eu mais precisava. Carinho, educação, amor, disciplina, mas sobretudo deu-me uma família. Esta família não é a que eu sonhei, mas é tudo o que eu precisava na minha vida. Uma mãe preocupada, carinhosa, atenciosa, com quem posso sempre contar para tudo, com quem posso rir e chorar. E depois as minhas irmãs novas, para os quais nem sequer tenho palavras para descrever o quão importantes são para mim! 

Não posso também esquecer todas as pessoas que trabalham aqui na Aldeia SOS, que me ajudaram a concretizar os meus sonhos, que me ensinaram que aqui não existem limites para sonhar e que aqui no seio desta enorme família posso ser quem eu quiser.

Quando as pessoas me perguntam se eu quero sair daqui, a minha resposta é imediatamente não, pois é aqui que está toda a minha vida e felicidade, mas mais importante é aqui que estão os meus amigos e a minha família!

 

Teresa*, 14 anos

Aldeia SOS da Guarda

 

*Nome fictício para proteção da jovem

testemunhos ajudar crianças

em cada  10 crianças

crescem sem os cuidados de um pai ou de uma mãe. 
            

Precisamos de si para mudar esta realidade!