O Direito à Proteção: acabar com a violência contra as crianças.

Novo relatório das Aldeias de Crianças SOS Internacional expõe a prevalência da violência contra as crianças e descreve projetos eficazes em todo o mundo, para a reduzir e prevenir.

27.04.2017 - Todos os dias, crianças de todo o mundo vivem situações de violência. As crianças sem cuidados parentais estão entre as mais vulneráveis ​​a esta situação.
direitos criança

O novo relatório “O Direito à Proteção: Acabar com a Violência contra as Crianças” (março de 2017) expõe as várias formas de violência e o seu impacto na vida das crianças. O relatório também descreve como as Aldeias de Crianças SOS trabalham com famílias e comunidades para prevenir e reduzir a violência contra crianças.

O direito internacional estabelece claramente o direito de cada criança à proteção contra a violência. Esse direito é apoiado pela Convenção das Nações Unidas sobre os Direitos da Criança, pelas Diretrizes para o Cuidado Alternativo das Crianças e pelos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

Apelando à ação, para acabar com a violência contra as crianças

A proteção das crianças deve ser uma preocupação central para todos os que trabalham no domínio da proteção da criança, do desenvolvimento, da ajuda humanitária e dos serviços sociais. Este relatório também inclui apelos específicos para que os governos e os detentores de deveres reduzam substancialmente a violência através de medidas adequadas, de prevenção e resposta. Eles incluem:

- Apoiar os pais como cuidadores primários para promover a parentalidade não violenta e positiva e reduzir as situações vulneráveis;

- Individualizar a tomada de decisões sobre os cuidados de cada criança; 

- Aplicar uma abordagem baseada nos direitos da criança, no trabalho de cuidados diários;
 
- Implementar as Normas Internacionais de Proteção da Criança;

- Estabelecer leis específicas que proíbam todas as formas de violência contra crianças em famílias e em cuidados alternativos;

- Desenvolver uma abordagem integrada e sistemática a nível nacional e internacional para intensificar os esforços no sentido de quebrar o ciclo da violência.

Conheça as formas de prevenção e resposta nas Aldeias de Crianças SOS em todo o mundo, acedendo ao Relatório, aqui.