Dia Internacional da Ajuda Humanitária

07.08.2017 - A propósito do dia 19 de agosto, Dia Internacional da Ajuda Humanitária, Andreas Papp, diretor da resposta de emergência para as Aldeias de Crianças SOS Internacional, partilhou a sua opinião sobre o mundo atual.
dia internacional da ajuda humanitaria


“Durante décadas, as Aldeias de Crianças SOS encontraram-se presentes em mais de 500 projetos à volta do globo. Esta proximidade garantiu um conhecimento profundo das necessidades das crianças e das suas famílias, e uma rede de parceiros nacionais e internacionais, que nos permite responder imediatamente quando se desenvolvem crises e emergências. Nós atuamos nas nossas respostas, com base nos nossos conhecimentos locais e procuramos atender as necessidades mais urgentes das crianças - especialmente aquelas que perderam os cuidados parentais. Queremos defender os seus direitos e manter as suas famílias juntas!

Com os números de pessoas deslocadas devido à violência e a desastres a baterem recordes, os desafios do mundo atual continuam a crescer- e continuam a afetar as Crianças em números cada vez maiores. Especialmente nestes tempos de crises extraordinárias, não pode haver qualquer desculpa para a inação, quando se trata de defender o direito internacionalmente reconhecido de uma criança de ter acesso a cuidados, à segurança, à educação e à oportunidade de crescer numa família!

As crianças são os membros mais vulneráveis de todas as sociedades e necessitam de proteção e apoio especial antes, durante e depois de emergências! A ação humanitária, depois de um desastre não é suficiente. Por esse motivo, nós vamos fortalecer as nossas Aldeias e as comunidades locais que as rodeiam em mais de 50 países até 2020, aplicando tecnologia de ponta para apoiar os mecanismos locais. O número de crianças que escapam a condições de vida inaceitáveis, mostra-nos que é necessário um compromisso global mais forte para um futuro melhor e mais estável, garantindo que as crianças e as famílias que nós apoiamos hoje, tenham também um melhor amanhã.

Um passo para isso é através dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. Ao trabalhar para alcançar estes objetivos, de reduzir a pobreza e a desigualdade, melhorar a educação e a oportunidade, e proteger as crianças da violência, nós fortalecemos comunidades e fazemos o nosso melhor para oferecer às crianças em todo o lado, a oportunidade de serem crianças.

No Dia Internacional da Ajuda Humanitária, reconhecemos os mais de 800 trabalhadores e voluntários das Aldeias de Crianças SOS, dedicados a ajudar crianças e famílias através de programas de resposta de emergência em mais de 25 países e territórios. Reconhecemos ainda, e agradecemos, a todos os nossos 36.000 colegas em 135 países e territórios, que trabalham todos os dias para garantir os cuidados e a proteção das Crianças.”

Mensagem de Andreas Papp, diretor da resposta de emergência para as Aldeias de Crianças SOS Internacional.

A si que está connosco todos os dias, e não só no dia 19 de agosto, muito obrigado por acreditar num amanhã melhor para as crianças de todo o mundo!